urubu 1      A cada dia mais vemos a presença de urubus no nosso dia-a-dia. Mesmo nas cidades grandes como São Paulo, sobrevoam os ares, deixando a população um tanto quanto desconfortável com a presença de uma figura considerada pela maioria como de mau-agouro.

Os urubus são aves da família Cathartidae. Estas aves são as únicas que possuem uma alimentação exclusiva de carniça e restos de carcaças de outros animais. Conhecidos como limpadores pela sua característica de alimentação, os urubus estão longe de trazerem azar ou desgraças, pelo contrário são importantes animais, pois evitam a disseminação de doenças e fazem “uma faxina”, ingerindo o lixo que os humanos deixam pelas ruas.   
Animais vivos, porém muito fracos para fugir de predadores, também podem ser um banquete para os urubus que nesse caso são considerados oportunistas, alimentando-se desse animal debilitado.

Os urubus apresentam um olfato superior às outras aves e por isso são capazes de identificar carcaças no interior das matas fechadas com vegetação arbórea. Sua capacidade de se alimentar de carniça se dá ao poderoso suco gástrico secretado pelo estômago, que contribui com a maior parte da digestão desse alimento em putrefação e elimina as bactérias presentes no alimento em decomposição. Por não terem habilidade de caçar, as garras de suas patas são pequenas e o bico é adaptado para rasgar a carcaça do animal morto.  
                                   urubu 2   
A ausência de penas na cabeça e no pescoço dos urubus é uma estratégia de sobrevivência, pois como se alimentam de carniças, o contato com as penas poderia ser um foco de bactérias prejudicando a saúde da ave.

Os urubus aproveitam as correntes de ar para ficarem planando sem fazer esforço. Assim, quando pegam uma corrente de ar ficam planando em círculos observando se há a ocorrência de alimentos por perto. Quando os urubus se sentem ameaçados no solo, regurgitam todo o alimento ingerido para alçar voo mais rápido.

Por não terem glândulas sudoríparas, os urubus além de ficarem com os bicos abertos quando está muito calor, eles defecam e fazem xixi em suas próprias patas para refrescarem-se e manter a temperatura corpórea.
urubu 3
Os urubus não possuem cordas vocais e por isso não conseguem vocalizar. Com isso, os urubus emitem um som conhecido como “crocitar” que é uma emissão de um som parecido com um grunhido. 

No Brasil existem seis espécies de urubus, a saber:
·         Urubu da cabeça-preta (Coragyps atratus)
·         Urubu-de-cabeça-vermelha (Cathartes aura)
·         Urubu-de-cabeça-amarela (Cathartes burrovianus)
·         Urubu-da-mata (Cathartes melambrotus)
·         Urubu-rei (Sarcoramphus papa)      
                
Os urubus são aves que fazem parte da biodiversidade de espécies e como cada espécie no meio ambiente, também é importante na natureza e devem ser respeitados, pois só fazem o bem, mantendo a limpeza nas matas e no meio urbano.


  

 


chamada ninhos bichos da mata
 
 
Palavras chaves